Metas empresariais: Conheça exemplos de metas aqui | CAE

Meta é um determinado resultado que você deseja alcançar em um determinado período de tempo. Para que uma meta seja definida, é necessário ter clareza de onde você quer chegar. Descubra como as empresas definem suas metas internas.

Apesar de parecer simples, estabelecer metas pode não ser fácil, por isso separamos alguns exemplos de metas de uma empresa para te ajudar. Quem chegou até aqui, provavelmente já tem seus objetivos definidos. 

Isso porque as metas são os passos para atingir certo ponto desejado. Ainda parece confuso? Vamos explicar melhor a seguir.

Qual a diferença de metas e objetivos?

Qual é o objetivo de um jogo de futebol? Qualquer brasileiro tem a resposta na ponta da língua: “fazer gols”. O futebol como conhecemos hoje, tem origem na Inglaterra e palavra “gol” deriva de “goal”, que em inglês significa objetivo. Assim, seu goal, objetivo, é o ponto que você quer chegar. 

Agora pense: o que seria marcar um golaço para sua empresa? O que você precisa para conseguir isso? O objetivo é o final de um processo de decisões e estratégias. Já as jogadas que te levam a fazer um gol são as metas.

Na vida pessoal, terminar um curso de graduação ou construir uma família são exemplos de objetivos. Já as metas, seriam separar uma quantia mensal para pagar seu curso, ter tempo de estudo durante a semana, fazer um fundo de investimentos para um futuro filho ou até mesmo comprar uma casa maior.  

Exemplos de metas de uma empresa: como posso estabelece-las?

São consideradas metas tudo que te ajuda a chegar ao seu objetivo. E, a melhor maneira de se estabelecer objetivos é fazendo uma análise da sua empresa e identificar quais seus pontos fortes e fracos. 

Para isso, você pode utilizar algumas ferramentas para te ajudar, conheça as principais ferramentas para tomada de decisões: a análise SWOT, a matriz BCG e a matriz GE.

Já o ponto chave para estabelecer uma meta é estabelecer seu tempo de execução e prazo. Com isso, as metas se tornam facilmente mensuráveis, o que garante a concretização do objetivo final. 

Assim, metas estipulam prazos e passos para atingir o que se almeja. E, da mesma forma que para se estabelecer objetivos há ferramentas para facilitar esse processo, também há metodologias para se traçar metas. Neste texto vamos falar do método mais conhecido para esse processo: o método SMART.

O que é o método SMART?


Clique no botão abaixo para se inscrever no nosso canal!!!

O nome SMART é um acrônimo para cinco palavras em inglês que te ajudarão a estabelecer as metas de uma empresa. Essa metodologia garante que suas metas não sejam meras ideias soltas como “vender mais produtos” e se tornem mais palpáveis como “aumentar as vendas em 20% nos próximos 3 meses”.

Agora, vamos entender melhor o que significa cada letra desta metodologia:

O que significam as letras do método SMART?

  • Specific (Específica): Uma meta antes de tudo deve ser específica, por isso seja assertivo e escreva claramente o que quer realizar.
  • Measurable (Mensurável): Em segundo lugar, deve-se estabelecer indicadores, ou seja, unidades que garantam que a meta possa ser acompanhada em termos numéricos. 
  • Attainable (Alcançável): Além disso, a meta deve ser possível. Isso não significa que ela não pode ser ousada, mas deve estar dentro do plano da realidade e não dos sonhos. Para garantir esse parâmetro, é necessário fazer uma análise dos recursos disponíveis para sua realização, sejam eles financeiros ou de outra ordem.
  • Relevant (Relevante): Também é preciso saber eleger o que tem a relevância necessária para ser colocado como meta, ou seja, ela deve apresentar benefícios reais para a empresa e que realmente farão a diferença em relação ao todo.
  • Time-bound (Temporal): Por último, mas não menos importante, é preciso se trabalhar com prazos bem definidos. Os prazos são importantes tanto para atingir o objetivo em um tempo definido como manter a equipe motivada para chegar lá.

Agora que você já entendeu a diferença entre objetivos e metas, e como traçá-los, vamos conhecer alguns exemplos de metas de uma empresa:

Exemplos de metas de uma empresa:

1- Aumentar as vendas em X% durante os próximos X meses;

Esta é a meta clássica de qualquer negócio: vender mais. Contudo, observe que não é apenas um desejo “vender mais”, trata-se de uma meta específica e relevante que apresenta uma porcentagem mensurável de quando se quer vender mais e também tem um prazo estabelecido. 

Para estabelecer uma meta dessa ordem, a primeira coisa a ser feita é definir a porcentagem de aumento de vendas que é desejada. Lembrando do critério do “alcançável”, pois as metas devem ser realizáveis.

2- Aumentar o alcance das mídias sociais da empresa em X% nas próximas X semanas;

Lembre-se de que metas são os caminhos que precisamos percorrer para alcançar um objetivo. Assim, se seu objetivo é tornar sua empresa mais conhecida no mercado, em tempos de mídias sociais, é preciso escolher um indicador que faça sentido.

Como o objetivo inicial é tornar a empresa mais conhecida, estabelecer como parâmetro o alcance. Esta métrica mede o número total de pessoas que visualizaram suas publicações. Assim, aumentando seu alcance, você garante que mais pessoa conheçam sua empresa.

3- Reduzir mudanças na equipe X% nos próximos X meses;

O chamado turnover é um termo em inglês que significa rotatividade de funcionários. Este fator, além de aumentar os custos com a equipe, também compromete o entrosamento dos funcionários e demanda tempo de treinamento. Assim, a mudança de equipe se reflete diretamente nos resultados do time.

Assim, se a alta rotatividade foi identificada, é sinal que algo precisa ser revisto. Por isso, traçar essa meta envolve identificar os fatores que levam a alta rotatividade e criar medidas para neutralizá-los. E para saber se estas medidas estão funcionando, temos a porcentagem e o tempo delimitados na meta.

Exemplo de metas de uma empresa: gostou deste conteúdo?

Depois de traçadas as metas é preciso estabelecer estratégias para atingi-las. Uma metodologia muito utilizada para isso é  a ferramenta 5W2H. Essa ferramenta auxilia na execução das metas delimitando fatores como o que será feito, por quem e quanto será gasto. Saiba mais sobre ela em nosso artigo “Exemplos de plano de ação“.

Se você gostou de conhecer mais sobre temas como este, não deixe de acompanhar nosso blog. Conheça nossos cursos aqui! Siga-nos também no Facebook, LinkedIn, assine o nosso canal no Youtube e não perca nenhuma novidade!

 

Autor

Autor de 2 livros publicados: "Lean Six Sigma: O guia básico da metodologia" e "101 Dúvidas sobre Lean Six Sigma". É formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual Paulista - UNESP. Estudou Business and Process Management pela University of Arkansas - EUA, direcionando sua especialização em Lean Seis Sigma. Professor de empresas como BRF, Plasútil, Usiminas, Petrocoque, Avon, Mondelli, UNESP, JohnDeere e de mais de 35.000 alunos na comunidade online. Com mais de 26 mil certificados emitidos, é CEO da CAE Treinamentos, uma plataforma focada em melhoria contínua e gestão de processos.