4 indicadores de capital de giro e porque você deve monitorar

As equipes de finanças de uma empresa muitas vezes se encontram em uma posição frustrante quando se trata de administrar e monitorar os indicadores de capital de giro em toda a organização. 

Enquanto elas desempenham um papel crítico no fornecimento de liquidez, às vezes têm uma capacidade limitada de influenciar a eficiência do processo de capital de giro que administram

Em última análise, o custo de um ciclo de capital de giro mal administrado terá um impacto constante sobre os lucros e, se a tesouraria for necessária para financiar as deficiências, os custos de juros externos aumentarão.

Os termos gestão de caixa e gestão de capital de giro são frequentemente usados ​​de forma intercambiável em um ambiente corporativo. Isso pode ser um pouco traiçoeiro, pois são disciplinas estreitamente relacionadas, o dinheiro é simplesmente um aspecto do gerenciamento do capital de giro. 

Portanto, as equipes que buscam iniciar melhorias de capital de giro precisam, em primeiro lugar, compreender o comportamento dos ativos e passivos de curto prazo que orientam o processo – principalmente contas a pagar, contas a receber e estoques.

Daí a importância de acompanhar os indicadores de capital de giro que monitoram esses cenários na empresa.

Quem está envolvido no processo?

Em grandes empresas, muitas pessoas terão um papel no ciclo de capital de giro. A composição exata das partes interessadas variará dependendo da empresa e de setor, mas normalmente as pessoas nos departamentos a seguir terão a maior influência:

Vendas – as equipes de vendas concordam com as condições de pagamento para clientes novos e existentes. As condições de pagamento oferecidas pelas equipes de vendas formam uma parte fundamental das negociações comerciais, particularmente em indústrias de baixa margem, e influenciarão o capital de giro futuro.

Crédito e Cobrança – As equipes de crédito desempenham um duplo papel na gestão do capital de giro. Em primeiro lugar, elas devem estar envolvidas no estabelecimento de limites de crédito e termos aceitáveis ​​que possam ser oferecidos por suas equipes de vendas aos clientes. 

Em segundo lugar, as equipes de crédito e cobrança monitoram as faturas dos clientes em comparação com os termos de crédito e rastreiam pagamentos atrasados ​​quando necessário.

Compras – As equipes de compras têm grande influência sobre o capital de giro, pois, na maioria das vezes, controlam os níveis de estoque mantidos pelas empresas. Para um negócio baseado em manufatura, com grandes exigências de matéria-prima, a aquisição normalmente será o maior gasto e o controle dos maiores orçamentos.

Quais indicadores de capital de giro devo monitorar?

indicadores-gerenciamento-capital-giro

Qualquer proposta de melhoria ou estratégia deve ser apoiada por fatos. Ao obter uma compreensão dos indicadores de capital de giro que influenciam sua organização, você estará em uma posição melhor para influenciar positivamente o processo geral. 

Comece com os indicadores mais simples primeiro e concentre-se nas seções mais amplas de sua empresa ou nas áreas com maior volatilidade.

Obter um panorama dos indicadores de capital de giro a seguir e entender sua variabilidade fornecerá a base para qualquer esforço de melhoria:

1. Dias de vendas pendentes (DVP) 

A DVP é um dos indicadores de capital de giro que mostra quanto tempo leva para coletar dinheiro dos clientes. Coletas de vendas mais rápidas têm um impacto positivo no capital de giro. Para fazer esse cálculo, basta seguir a fórmula:

DVP = contas a receber ÷ vendas de créditos de 12 meses x 365

2. Dias de contas a pagar pendentes (DCPP)

A DCPP é o segundo dos  indicadores de capital de giro que mostra quanto tempo leva para pagar os clientes. Durações de pagamento mais longas têm um impacto positivo no capital de giro. Você obtém esse indicador fazendo o seguinte cálculo:

DCPP = contas a pagar ÷ vendas de créditos de 12 meses x 365

3. Dias de estoque pendentes (DEP)

DEP é um dos indicadores de capital de giro que mostra a rapidez com que o estoque é vendido. A conclusão de vendas mais rapidamente têm um impacto positivo no capital de giro, pois significa que o dinheiro não está atrelado a bens não-vendidos.

A fórmula do DEP é calculada da seguinte forma:

DEP = estoque ÷ vendas de créditos de 12 meses x 365

4. Ciclo de Conversão de Caixa (CCC) 

O CCC usa DVP, DCPP e DEP para demonstrar a eficácia de uma empresa na gestão de seus ativos e passivos de curto prazo. Este é um dos indicadores de capital de giro chave para a eficiência da gestão. O cálculo desse indicador segue a fórmula:

CCC = DVP + DCPP – DEP

Um ciclo curto de conversão de caixa indica que uma empresa está administrando seu ciclo de capital de giro de maneira eficiente e que o caixa está sendo convertido rapidamente de matérias-primas para recebimentos de dinheiro.

Por que fazer o gerenciamento do capital de giro é importante?

Quando uma empresa não tem capital de giro suficiente para cobrir suas obrigações, a insolvência financeira pode resultar em problemas legais, liquidação de ativos e potencial falência. Assim, é vital que todas as empresas tenham uma gestão adequada do capital de giro.

O gerenciamento do capital de giro é essencialmente uma estratégia contábil com foco na manutenção de um equilíbrio suficiente entre os ativos e passivos atuais da empresa. 

Um sistema eficaz de gerenciamento dos indicadores de capital de giro ajuda as empresas a não apenas cobrir suas obrigações financeiras, mas também aumentar seus ganhos.

Gestão de capital de giro significa gestão de estoques, caixa, contas a pagar e contas a receber, para ajudar a identificar áreas que exigem foco para manter liquidez e rentabilidade.

Para melhorar os resultados dos indicadores de capital de giro, as equipes de finanças e tesouraria devem estar firmemente alinhadas com as pessoas que gerenciam os vários componentes do ciclo.

Ao mesmo tempo, devem ter ter uma sólida compreensão dessas métricas de desempenho. Sem acesso e entendimento dos indicadores que governam seu ciclo de capital de giro, será impossível iniciar mudanças positivas.


Este post foi escrito pela Gyra+, uma empresa que realiza financiamentos online para empreendedores digitais em busca de capital de giro. Faça uma avaliação e descubra o crédito que cabe no seu negócio.

Autor

Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual Paulista - UNESP. Estudou Business and Process Management pela University of Arkansas - EUA, direcionando sua especialização em Lean Seis Sigma. Tornou-se Master Black Belt e hoje está à frente da CAE Treinamentos, ministrando cursos e realizando consultorias na área.

Escreva um Comentário