Green Belt vale a pena? 5 razões para se certificar

Você está em busca de responder se a certificação Green Belt vale a pena? A seguir, você conhecerá razões relacionadas a benefícios:

  • estratégicos;
  • financeiros;
  • competitivos;
  • de desenvolvimento profissional;
  • vantagens para clientes.

No mercado competitivo de hoje, garantir a qualidade de produtos e serviços, e eliminar os defeitos e desperdícios oferece às empresas vantagem competitiva e garantia de satisfação do cliente. Tudo isso resulta em:

  • aumento de lucratividade;
  • redução de custos.

Dessa forma, Green Belt vale a pena para profissionais que desejam dominar como funciona o Seis Sigma.

Gerentes de projetos, engenheiros de produção e consultores que desejam atuar em empresas com processos complexos, devem considerar a certificação Green Belt para ocupar cargos de liderança e de importância fundamental para essas organizações.

Em suma, a certificação te coloca em um nível acima do que profissionais que não a possuem. O mercado te identifica como um profissional diferenciado e necessário.  

Mas, o que exatamente esses treinamentos fazem para ajudar sua carreira?

As vantagens são substanciais para sua profissão, assim como seu conhecimento geral de negócios.

O Six Sigma Green Belt vale a pena para o profissional, pois permite que ele alcance um nível de capacitação superior, o diferenciando entre os demais profissionais da área.

Para a empresa, contar com um colaborador certificado garante a melhoria da qualidade de seus processos.


Clique no botão abaixo para se inscrever no nosso canal!!!

Se você ainda não conhece a graduação Six Sigma Green Belt,  sugerimos que leia o artigo; O que é Green Belt Six Sigma? Tudo sobre as vantagens da certificação”

Há muitos benefícios que derivam de obter uma certificação Six Sigma Green Belt. Alguns deles estão listados abaixo.

Green Belt vale a pena? 5 benefícios para o profissional e empresa

#1 Resolução de problemas de produção em curto espaço de tempo

certificação Six Sigma Green Belt garante que o profissional passará a ter uma abordagem estratégica sobre cada processo da empresa.

Um profissional Green Belt é capaz de:

  • analisar cada etapa de um processo inteiro;
  • identificar as falhas;
  • criar soluções eficazes;
  • eliminar desperdícios;
  • ampliar a produtividade da empresa.

Tudo isso em uma velocidade para solucionar gargalos acima da média.

Parece bom não é mesmo? E realmente é!

Esses profissionais são treinados para otimizar as etapas de identificação e implementação de melhorias em processos organizacionais das mais variadas empresas, tudo isso sem parar a produção. 

#2 Inclua a certificação como argumento de venda

Preço, prazo e qualidade são os argumentos de venda mais impactantes e com maior poder de conversão de clientes.

Quando uma empresa conta com profissionais Green Belt ela reúne tudo isso, de fato!

A certificação Green Belt pode ser usada como argumento de venda porque garante ao cliente que ele terá um serviço/produto de qualidade e sem atrasos.

E lembre-se: com menos desperdício sua empresa tem menos custos e poderá repassar essa queda de valores para alguns clientes, ampliando sua margem de negociação ao mesmo tempo em que amplia sua margem de lucro.

Dessa forma, por mais que um Green Belt tenha um salário mais elevado, ele também é um diferencial que pode ser usado para fazer um prospect confiar na sua empresa e se tornar cliente.

#3 Ganhe mais e gaste menos

Como falamos acima, a redução de desperdício faz com sua empresa reduza os custos operacionais e de produção. Consequentemente você terá mais lucro.

Por isso, se você tem medo de arcar com os custos de ter um profissional dessa qualidade em sua equipe saiba, desde já, que ele é estratégico para melhorar os resultados de seu fluxo de caixa. 

Considere esse profissional como um investimento e não um custo em sua folha de pagamento.

Então, se você tem dúvidas se Green Belt vale a pena para sua empresa acredite, escolhendo o profissional certo e dando liberdade para sua atuação, você agradecerá todo 5º dia útil ao pagar o salário dele!

#4 Desenvolvimento do profissional

Além dos benefícios para a empresa, é importante considerar se a formação Green Belt vale a pena para o profissional do mercado de trabalho que deseja avançar no plano de cargos e um salários. 

A primeira pergunta que deve ter vindo à sua mente é: quanto ganha um Green Belt?

Não se sinta ambicioso demais ao pensar nisso. Todo profissional busca a realização financeira e independência. 

Segundo a American Society for Quality (ASQ) um profissional certificado Green Belt ganha, em média, 12% a mais que profissionais sem a certificação.

Além dos ganhos financeiros, entretanto, o profissional também terá acesso a um conhecimento valioso para sua caminhada ao longo da carreira.

Além de mais conhecimento, o profissional certificado também agrega mais credibilidade sobre suas capacidades descritas em um currículo.

Afinal, um contrante terá a certeza que o candidato tem domínio sobre técnicas, ferramentas e processos modernos e eficazes.

O treinamento Six Sigma Green Belt permite que o profissional passe a resolver problemas de maneira mais segura e assertiva, com políticas que permitam a implementação de processos de melhoria contínua e a redução de desperdícios dentro de uma organização.

Ainda como benefício para o desenvolvimento do profissional, não podemos esquecer que a certificação Green Belt capacita o profissional a tomar decisões baseadas em dados. Isso amplia a segurança do trabalhador de que os resultados de suas ações serão benéficos ao negócio, reduzindo as chances de erros.

#5 Maior satisfação do cliente

Cada vez mais as empresas contratantes estão preocupadas com as políticas de qualidade de seus fornecedores. Por isso, organizações que apostam na adoção de estratégias e ferramentas reconhecidas mundialmente e na contratação de profissionais certificados, estão ganhando vantagem no mercado.

Ou seja, as empresas contratantes estão preferindo contratar fornecedores que investem em profissionais certificados com Lean Six Sigma.

Por isso, os profissionais Green Belt oferecem essa credibilidade ao seu negócio. 

Além disso, eles também oferecem qualidade de entrega e satisfação dos clientes.

Dessa forma, eles garantem que você ofereça os melhores serviços ou produtos do mercado, bem como otimiza a gestão de clientes.

Confira mais detalhes sobre a especialização! Nosso Master Black Belt, Carlos Sander, explica melhor para que você entenda mais do assunto:

Leia também: TOP 7 ferramentas para análise de dados empresariais

Com a lista de benefícios apresentada acima, deu para ver que obter a certificação Green Belt vale a pena, não é mesmo?

Conhecer alguns negócios de sucesso que aplicam a ferramenta podem te ajudar na decisão final de se certificar, por isso, leia o artigo; “TOP 10: Empresas que aplicam o Lean Manufacturing com sucesso”.

Com a implementação do Lean Six Sigma e com a compreensão de que Green Belt vale a pena, seu negócio poderá:

  • alcançar mais clientes;
  • eliminar desperdícios;
  • reduzir custos;
  • ampliar a qualidade de entrega;
  • manter um processo de melhoria contínua;
  • manter clientes felizes e fieis;
  • melhorar a margem de lucro.

Agora que você já sabe que Green Belt vale a pena, que tal conhecer a certificação Green Belt Six Sigma online, oferecida pela CAE Treinamentos? Oferecemos:

  • Treinamento teórico
  • Aplicação prática
  • Apoio ao projeto piloto
  • Certificado após aprovação

Para iniciar seus treinamentos acesse nossa plataforma e conheça nossos cursos GRATUITOS:  White Belt – Lean Seis Sigma e Lean Manufacturing Basic. Ou vá direto à certificação Green Belt. A CAE Treinamentos oferece cursos de gestão e melhoria de processos desde o nível básico ao avançado.

Com mais de 3.500 alunos EAD e mais de 30 turmas presenciais, você terá acesso a cursos de qualificação e treinamento em gestão e processos que se encaixam à sua realidade. Conheça nossos cursos e saiba como podemos ajudar você a conquistar uma posição de destaque no mercado.

Autor

Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual Paulista - UNESP. Estudou Business and Process Management pela University of Arkansas - EUA, direcionando sua especialização em Lean Seis Sigma. Tornou-se Master Black Belt e hoje está à frente da CAE Treinamentos, ministrando cursos e realizando consultorias na área.

Escreva um Comentário